Coletor de Pó Industrial FTA 4000 e FTA 7500

Coletor de Pó Industrial FTA 4000 e FTA 7500 Coletor de Pó Industrial FTA 4000 e FTA 7500 Coletor de Pó Industrial FTA 4000 e FTA 7500 Coletor de Pó Industrial FTA 4000 e FTA 7500 Coletor de Pó Industrial FTA 4000 e FTA 7500

Coletor de Pó FTA

O Coletor de Pó Industrial FTA é o parceiro ideal para quem trabalha com polimento de pisos principalmente em trabalhos a seco.

Seu alto poder de sucção possui tecnologia avançada e funciona com ciclones que separam o pó grosso do pó fino e isso faz com que a limpeza seja completa.

A limpeza do filtro fornece gerenciamento de poeira eficiente para as mais exigentes aplicações industriais , onde a alta sucção e fluxo são necessárias para eliminar a poeira do ar.

Diferenciais do Coletor de Pó Industrial FTA

  • Excelente para trabalhos com polimento de piso a seco.
  • Aspira pó.
  • Aspira e assopra.
  • Elevada eficiência de filtragem (quase 100%).
  • Sistema de filtragem em duas etapas – máxima proteção dos motores de aspiração.
  • Tubos de aspiração de 3″
  • Filtros de poliéster - Limpeza com ar comprimido.
  • Extratores de poeiras com elementos filtrantes em série para um eficiente confinamento das poeiras.

Descrições Técnicas

Motor: Trifásico 220 V ou 380 V
Potência do motores: 4 CV ou 7.5 CV
Vazão: FTA4000 - 4,2 m³/min
FTA7500 - 8,2 m³/min
Pressão: FTA4000 - 3400 mmCA ou 0,333bars
FTA7500 - 6280 mmCA ou 0,614bars
Filtragem: 98% porcentagem de retenção de partículas
Filtragem primária: Filtro manga – 94% porcentagem de retenção de partículas
Filtragem secundária: Filtro EPA – 4,0% porcentagem de retenção de partículas
Diâmetro do bocal da mangueira: 3”
Peso: 220 kg
Dimensões da máquina: 600 mm (largura) x 1860 mm (altura) x 950 mm (comprimento)

Advertências

Garanta a vida útil da sua máquina

  1. Para equipamentos com motores elétricos verifique a tensão do equipamento com a tensão disponível na obra: 220, 380 ou 440 (monofásica ou trifásica);
  2. Limpar a máquina após o uso para que não ocorra danificações em borrachas e articulações do equipamento;
  3. Em caso de chuva interrompa o trabalho, sob risco de choques e queima do motor;
  4. Utilize lubrificantes em spray para articulações e partes menores;
  5. Em caso de manutenção da caixa redutora prefira graxa: EP1 mineral;

Outros equipamentos